Almofada de amamentação: praticidade e conforto para mamãe e bebê 15/01/2018 Pitibebê

A almofada de amamentação deve estar entre os itens prioritários para o dia a dia com o bebê.

Quando o bebê está chegando as mamães começam a se preocupar com itens essenciais para o enxoval. No entanto, um deles pode ser usado até mesmo antes do nascimento e vem ganhando cada vez mais espaço entre as mulheres: a almofada de amamentação.

Para te ajudar a entender melhor os benefícios dessa peça, listaremos os motivos que a torna essencial para você em seu filho. Veja mais!

Antes mesmo do bebê nascer

Assim que a barriga começa a crescer, o corpo das futuras mamães se modifica tanto que ações cotidianas se tornam cada vez mais difíceis, como encontrar uma posição para dormir.

As dores nas costas e nas pernas também acompanham os meses da gestação e a almofada de amamentação te ajudará a ter uma noite de sono mais tranquila. Basta usá-la para encontrar uma posição confortável para deitar: entre barriga e o colchão, entre o colchão e as costas ou entre as pernas. Dessa maneira você alivia a pressão nessas regiões e tem uma gravidez mais tranquila.

Você também pode usar a almofada durante a gravidez e depois do parto para apoiar o pescoço e até mesmo os braços, auxiliando na circulação sanguínea e na diminuição da retenção de líquidos.

 Depois do nascimento do bebê

Quando já tem o filho nos braços, a amamentação passa a ser uma das rotinas cansativas e gratificantes para a relação entre mãe e filho. Paciência é a palavra-chave para uma amamentação que atenda as necessidades nutricionais da criança. O problema é que muitas vezes a posição em que a mulher fica pode tencionar o pescoço e cansar os braços.

A almofada de amamentação foi confeccionada para oferecer descanso aos braços, já que é posicionada em torno da cintura da mamãe e pode chegar até as costas, fazendo o mesmo movimento que os braços. Com ela, é possível também usar uma segunda almofada para o descanso da cabeça. Tudo para que você tenha uma postura mais ereta e confortável. Além disso, com o posicionamento do filho é exato, o ato de pegar o peito é mais natural e as chances de fissuras menor.

Quem precisou ou preferiu se submeter a uma cesariana ganha ainda mais um benefício, já que ao ficar ereta, o abdômen também não sofre pressão desnecessária, aliviando as dores e evitando complicações.

Vale lembrar ainda que a almofada de amamentação pode ser usada, até mesmo, para ninar. Na mesma posição em que é utilizada para dar de mamar, ela pode auxiliar as mamães a embalar os seus filhos, os fazendo adormecer de maneira mais tranquila.

Almofada de amamentação: praticidade e conforto para o bebê

O seu pequeno é com certeza o maior beneficiado pela almofada de amamentação. Afinal, a peça foi para aumentar o conforto da criança do dia do seu nascimento, até o seu crescimento. Sim, seu filho pode continuar usando o item mesmo quando ele já tiver deixado de se alimentar apenas do leite materno.

Ainda nos primeiros meses, a almofada pode ser útil para manter a cabeça elevada, evitado o refluxo. O bebê também se sente mais protegido e confortável, já que a mãe não precisa segurá-lo com os braços, o que causa um certo desconforto dependendo da pressão exercida.

Almofada de amamentação

Assim que começar a se manter mais firme, a almofada o auxilia a ficar mais tempo sentado. Já ao engatinhar, a mamãe pode usar a almofada de amamentação como impulso para o bebê tentar se levantar ou até mesmo colocá-lo de bruços para que os músculos das costas e do pescoço fortaleçam.

O item pode ser usado ainda no berço ou na cama quando o bebê for maior, ajudando a delimitar um espaço e impedindo que a criança role de um lado para o outro e se machuque. Quando seu bebê começar a crescer, a almofada de amamentação pode ser colocada na cama, deixando o sono mais confortável e diminuindo os riscos de seu filho ter uma postura errada e acabar com dores quando for mais velho.

Gostou dos benefícios da almofada de amamentação? Sabe de mais algum que não apareceu na lista? Então conte nos comentários e diga também o quanto a peça te ajudou a ter uma amamentação mais tranquila e como você e seu bebê se sentirem depois de usá-la.

Categoria: Saúde do Bebê

Receba via e-mail dicas especiais para cuidar de seu bebê!

Outros textos do blog Pitibebê

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.