Cuide-se: aprenda como evitar estrias na gravidez 08/11/2017 Pitibebê

Umas das vilãs mais temidas entre as mulheres, as estrias também incomodam na gestação. Saiba como evitar estrias na gravidez com mudanças de hábitos.

As temidas estrias são um terror para quem começa a ler informações sobre gravidez. A pele estica, o corpo muda todo e sim, as odiadas estrias podem aparecer. Mas, calma! Temos uma boa notícia para você: com alguns bons hábitos, elas podem ser evitadas.

Se elas são verdadeiras vilãs, devemos usar as nossas melhores armas para prevenir e combatê-las durante um dos momentos mais bonitos da nossa vida.

Continue lendo o texto e descubra como evitar estrias na gravidez. Preparamos dicas especiais para você colocar em prática os melhores hábitos no seu dia a dia.

Por que gestantes têm estrias?

Fatores hereditários ou ganho de peso excessivo são duas das causas mais recorrentes. Se a sua mãe teve estrias durante a gestação ou logo depois do parto, você tem mais chances de também tê-las. No caso do ganho de peso acima do recomendado, que normalmente não ultrapassa os 15 quilos, sua pele estica e favorece o aparecimento das estrias.

Estrias nas mamas

O surgimento de estrias nas mamas não depende diretamente do ganho de peso da gestante. Crescimento rápido durante a gestação ou na amamentação são as causas que podem levar ao aparecimento delas.

Como evitar estrias na gravidez: hábitos

Para evitar o surgimento de estrias durante a gravidez, é fundamental que você comece a ter alguns hábitos, como os que estão abaixo. Confira:

  • Use cremes e óleos hidratantes

Os cremes hidratantes e óleos ricos em Vitamina E são os mais indicados no que diz respeito a como evitar estrias na gravidez. A hidratação profunda à pele reduz as chances de aparecerem estrias. O motivo? O aumento da elasticidade da pele.

Uma boa dica é o Óleo Bio-Oil, rico em Vitamina E. Sua aplicação pode ter início a partir do quarto mês de gestação, envolvendo as áreas que apresentam maiores riscos de estrias, como os seios, glúteos, abdômen e coxas.

  • Use roupas íntimas adequadas

Procure usar roupas íntimas confortáveis, mas que segurem a barriga e possam suportar as mamas. O hábito também ajuda a prevenir o aparecimento das temidas estrias.

Dica: Use roupas largas de algodão para facilitar a circulação sanguínea.

  • Controle o seu peso

Como evitar estrias na gravidez se você não controla o seu peso? Definitivamente, não tem como isso acontecer. Para que o controle seja eficiente, acompanhe regularmente o seu peso e mantenha uma dieta saudável.

Lembre-se: tenha uma dieta rica em legumes, frutas, cereais integrais, carnes brancas, peixe e ovos. Evite alimentos com excesso de gordura ou de açúcar.

  • Faça massagens leves nas mamas

Uma massagem é sempre muito gostosa, não é mesmo? Se ela, além de relaxar, ainda ajudar a prevenir as estrias, melhor ainda. Por isso, procure fazer massagens com regularidade na barriga e nas mamas. Essa atitude vai resultar em maior elasticidade da pele e melhora da circulação sanguínea nessas duas áreas.

Como evitar estrias na gravidez: alimentação

Não poderíamos deixar de falar da alimentação, um dos fatores mais importantes de uma gestação. Abaixo, veja quais alimentos devem fazer parte da sua lista de como evitar estrias na gravidez.

  • Prefira alimentos integrais. Eles favorecem a digestão e eliminam toxinas
  • Consuma frutas, verduras e legumes ricos em vitaminas A, C e E.
  • Coloque na sua lista de compras: azeite extravirgem, cereais, sucos de frutas e chás (de preferência verde)
  • Beba água! Uma atitude simples que vai ajudar na hidratação da pele. Cerca de 2 litros por dia está muito bom!

Vitaminas

Vitamina A: Encontrada em alimentos como o fígado de boi, gema de ovo, leites e derivados (não gordurosos), vegetais escuros e frutas amarelas ou alaranjadas.

Vitamina C: Mais presente em frutas cítricas, como a laranja, limão e acerola.  Aqui, vale ressaltar que o consumo em grande quantidade de frutas cítricas não é recomendado às gestantes.

Vitamina E: Esse tipo de vitamina pode ser encontrada em óleo de milho, de soja, de girassol, no gérmen de trigo, avelãs e amêndoas.

Estrias depois do parto

Para encerrar, deixamos um aviso importante: Se as estrias aparecerem ou aumentarem depois do parto, procure o seu médico e veja quais são os melhores tratamentos para o seu caso. Não siga com o mesmo tratamento de quando você ainda estava grávida.

E aí, gostou do texto? Agora é só seguir as dicas de como evitar estrias na gravidez. Mas, não esqueça: procure também a orientação do seu médico. Nosso blog tá cheio de conteúdo muito importante para as gestantes. Acesse e leia!

Categoria: Diversos

Receba via e-mail dicas especiais para cuidar de seu bebê!

Outros textos do blog Pitibebê

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.