Pitibebê & Pet: os benefícios da convivência entre crianças e pets 26/03/2018 Pitibebê

As crianças amam os pets e os pets amam as crianças! Essa convivência cheia de amor e carinho traz muitos benefícios. É amizade verdadeira!

Ter bichinhos de estimação é muito saudável para as crianças. Quem já não é mais criança, mas teve um pet na infância, sabe bem do estou falando. Muitos, acredito que gostem de animais até hoje e tem o seu pet em casa.

Os benefícios da convivência entre as crianças e os pequenos animais são imensos. Especialistas do mundo todo confirmam isso. Inclusive, muitos deles incentivam a adoção de um bichinho por parte das famílias.

Quer saber quais são esses aspectos que geram tantos benefícios às crianças? Leia todo o texto e confirme o que estou falando.

Pets e o desenvolvimento das crianças

Nos primeiros anos de vida, as crianças passam por uma fase de muito aprendizado. As descobertas e o desenvolvimento físico e emocional revelam um período de encantamento com um mundo novo.

Ter um pet em casa incentiva as crianças a serem mais tranquilas e seguras de si. A companhia do animalzinho ajuda para que as elas sejam menos estressadas, pratiquem atividades físicas e tornem-se mais felizes. Além disso, aprendem valores como respeito, cuidado e responsabilidade.

Outro fator positivo é o melhor desenvolvimento e reforço para o sistema imunológico das crianças, que passam a criarem anticorpos de defesa no organismo. Os pequenos que convivem com animais têm chances menores de sofrer de algum tipo de alergia no futuro, por exemplo.

“Crescer com um animalzinho por perto é saber reconhecer desde muito cedo os conceitos de amizade e companheirismo”.

O primeiro amigo

Lembra do seu amigo pet? Mesmo que você não teve um animalzinho de estimação na infância, deve ter algum bicho pelo qual sentia um carinho especial. Seja na casa dos avós, nos primos ou na vizinhança.

Sabe aquela frase “o cão é o melhor amigo do homem”? Ele tem tudo para ser o melhor amigo das crianças também. O sentimento de companheirismo dessa relação é bastante positivo para os dois. As aventuras e travessuras mais legais começam com um “pet amigo”.

O cão que gosta de uma criança, vai protegê-la por onde eles forem. Depois da família, não há ninguém que proteja melhor uma criança que um cão ao dela. Se a criança estiver sentada em uma cadeira e cair, adivinha quem vai ser o primeiro a chegar para ajudar? Uma bela demonstração de carinho e que vai ficar na memória para sempre.

Crianças que tem um cão ou um gato costumam ser mais companheiras e ter o sentido de ajudar aos outros bem apurado. Elas se entendem melhor com as outras pessoas da sua idade, se tornam menos agressivas e tendem a se comunicar melhor.

“Crescer com um animalzinho é aprender os conceitos de responsabilidade e reciprocidade, saber como os nossos atos afetam o que está ao nosso redor”.

Aprendizados

Mesmo que seja cedo para fazer algumas tarefas, as crianças com menos de três anos podem acompanhar os pais ou irmãos mais velhos cumprindo algumas atividades. Já um pouco mais velhas, as próprias crianças podem ter pequenas responsabilidades, como essas:

  • Levar comidinha ou água para o pet;
  • Passear com o pet na companhia de um adulto;
  • Ajudar a dar banho;
  • Juntar os brinquedos dela e do pet;
  • Ajudar a cuidar do pet em viagens de carro;
  • Limpar as fezes no jardim de casa ou na calçada durante os passeios;
  • Desenvolver brincadeiras com o pet;
  • Vestir o animalzinho;

“A relação das crianças com os animais é um mundo incrível onde só existem olhares inocentes e amizades sinceras”.

A convivência entre crianças e pets é uma das mais bonitas que eu conheço. Carinho, cumplicidade, amizade e muito mais, fazem dessa relação um mundo de benfeitorias.

Me conte: lembrou a sua infância? Os seus filhos tem um pet? Escreva para nos comentários abaixo! 

Categoria: Pitibebê & Pet
[contact-form-7 id="60" title="Receba Dicas" html_name="dicas-pitibebe"]

Outros textos do blog Pitibebê

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.