Os cuidados da gestante quando o assunto é: medicação! 19/06/2018 Pitibebê

Medicação durante gestação é assunto sério! Os cuidados da gestante merecem atenção especial e é isso que estamos dando. Não deixe de ler o conteúdo!

Mulher grávida tem muito medo quando precisa tomar qualquer tipo de medicação. Os cuidados da gestante e o seu receio são bem pertinentes, já que tudo o que ela consome impacta de certa forma o bebê.

Em contrapartida ao medo de tomar medicação, existe um número preocupante: de cada 10 brasileiros, sete tomam remédios sem a orientação de um médico. Os dados são de uma pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação para o Mercado Farmacêutico (ICTQ).

Para ficar segura sobre o assunto, continue a leitura e descubra quais são os cuidados da gestante com a medicação.

Cuidados da gestante com o uso de remédios

Os cuidados da gestante é sempre assunto de leitura obrigatória, seja você uma futura mamãe ou alguém que conheça uma mulher que esteja em plena gravidez. Aqui no blog já abordamos diversos assuntos para ajudar a gestante a ter uma gravidez saudável.

A troca sanguínea entre o feto a mamãe não distingue as substâncias boas ou ruins para a formação do bebê. Desta forma, uma alimentação saudável, a eliminação do uso de drogas, incluindo álcool e cigarro, e os cuidados com medicamentos são decisivos.

Mesmo os remédios que você considera inofensivos, podem reservar algum prejuízo à saúde. Portanto, entre os principais cuidados da gestante está este: somente ingerir remédios com a prescrição de um médico.

Não existem medicamentos 100% seguros para mulheres grávidas. Por este motivo é que a orientação do médico e do farmacêutico é indispensável. E é claro, não esqueça de ler a bula e observar a classificação de risco do remédio.

Os três primeiros meses merecem atenção especial

De acordo com especialistas, o primeiro trimestre da gravidez é o mais crítico. Neste período, os remédios podem afetar o desenvolvimento e a saúde do feto. Além disso, aumentam as chances de má formações congênitas e até mesmo do aborto. O uso de medicamentos nesses 90 dias deve ser evitado ao máximo.

Nos casos em que a gestante precisa tomar medicamento para doenças crônicas, como diabetes ou hipertensão, apenas o médico poderá orientá-la de maneira correta.

Cuidados da gestante antes, durante e depois da gestação

Como assim, cuidados da gestante antes da gravidez? Isso mesmo, as mulheres que pretendem engravidar precisam tomar cuidado a partir do momento em que decidem se tornarem mamães. Ao receberem a confirmação da gravidez, todos os medicamentos que as futuras mamães tomavam anteriormente deverão ser avaliados pelo médico.

Os cuidados da gestante seguem durante toda a gravidez e depois da gestação. Isso porque enquanto está amamentando o bebê, a mamãe continua compartilhando substâncias com ele.

Cuidados da gestante perto do parto

O uso de determinadas substâncias deve ser feito com muita cautela durante toda a gravidez, principalmente aquelas que atravessam a placenta. O pior é que a maioria delas age desta forma.

Chegando aos últimos dias de gestação, o parto pode acontecer a qualquer instante. Em caso de ingestão de medicação, o que também pode ocorrer é da mãe não ter eliminado a droga e o bebê nascer sob influência desta substância.

Dica extra

Mulheres que costumam tomar medicamentos contra a enxaqueca devem interromper este hábito. É expressamente contra-indicado, pois os remédios desta categoria costumam causar sérios riscos de malformações no bebê.

E aí, gostou do tema do post de hoje? Ele é super importante, não é? Aproveite para compartilhar com as suas amigas agora mesmo!

Categoria: Gravidez
[contact-form-7 id="60" title="Receba Dicas" html_name="dicas-pitibebe"]

Outros textos do blog Pitibebê

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.